Séries em espanhol para maratonar na Netflix

0
32
Elite - Foto: Netflix/Divulgação
Elite - Foto: Netflix/Divulgação

A maior rede de streaming conta com um catálogo muito variado de séries para assistir em língua espanhola. E elas vão muito além de La Casa de Papel, que por sinal, já tem data de estreia dos seus cinco últimos episódios, ainda neste ano: 5 de dezembro.

A série foi crucial para que produções não somente da Espanha, mas que também de outros países tivessem mais aceitação, e assim saíssem do formato e consumo dos programas norte-americanos.

Outro ponto interessante é que nos últimos anos tem crescido a procura do público pelo idioma, que não se contenta mais com um simples portunhol. E por meio das séries, podemos conhecer além do idioma mais a fundo, a cultura, os costumes, as gírias e situações que, para nós brasileiros, muitas vezes são diferentes. Sem contar com o encantamento e reflexão que muitas dessas obras nos proporcionam. 

O e-Urbanidade indica algumas séries em espanhol disponíveis na plataforma:

A Casa Das Flores - Foto: Divulgação/Netflix
A Casa Das Flores – Foto: Divulgação/Netflix

#1 – La Casa de Las Flores (México)

A série trata da família mexicana De La Mora, que é rica e bem sucedida, dona de uma floricultura reconhecida. Aparentemente perfeita, a família se vê abalada depois que a amante do patriarca, Arturo Ríos, comete suicídio em uma das festas do clã.

A partir desse acontecimento, muitos segredos começam a vir à tona e a ameaçar a vida de aparências pela qual a matriarca, Verónica Castro, tanto prezava. 

Com censura de 16 anos, a série é repleta de humor ácido e também aborda questões importantes como trans e homosexualidade.

O ator Paco León, por exemplo, vem dando o que falar no papel de José Maria. Sendo um ator heterossexual, interpreta uma mulher trans.

Disponível em três temporadas.

#2 – Valeria (Espanha)

Valéria - Foto: Divulgação/Netflix
Valéria – Foto: Divulgação/Netflix

Nessa trama de 2020, baseada nos livros de Elisabet Benavent, você conhecerá a história da protagonista que leva o nome da série, Valeria.

Trata-se de uma jovem de trinta anos, casada, mas que está em crise com seu marido, com a vida profissional – almejando ser uma escritora de sucesso -, com sua criatividade e também com o estereótipo de família perfeita. 

Outro ponto interessante é a direção de arte e a cenografia que conta com um trabalho impecável de cores. O que lembra as produções do diretor espanhol Pedro Almodóvar

Felizmente, a personagem interpretada por Diana Gómez pode contar com a ajuda de suas três melhores amigas, que apesar dos desentendimentos e de suas diferentes personalidades,  estão sempre unidas. E ainda dispostas a se perdoarem e se ajudarem. E cada uma delas também tem uma história super envolvente. 

Espere também por um retrato de algumas frustrações da geração millenium, muito humor, um triângulo amoroso  e muitas cenas calientes. Principalmente de Valeria com Victor, personagem interpretado por Maxi Iglesias.

Disponível em duas temporadas.

Desejo Sombrio - Foto: Netflix/Divulgação
Desejo Sombrio – Foto: Netflix/Divulgação

#3 – Desejo Sombrio (México)

Protagonizada por Maite Perroni, de Rebelde, a trama traz a história de Alma Solares, que suspeita de uma traição do marido Leonardo (Jorge Paza). Então, decide se vingar, se envolvendo com Darío (Alejandro Speitzer), um rapaz de 23 anos.

No entanto, o que era para ser apenas um simples envolvimento casual que Alma quer esquecer, acaba virando uma trama cheia de obsessões, crimes, mistérios e situações de tirar o fôlego.    

A personagem de Alma apresenta uma contradição. É uma advogada com doutorado sobre violência de gênero, mas que em sua vida privada vive submissa tanto ao marido quanto ao jovem amante. 

Além disso, a série apresenta muito mais que erotismo: ela levanta muitas reflexões sobre o machismo e a culpa.

Uma temporada disponível.

Elite - Foto: Netflix/Divulgação
Elite – Foto: Netflix/Divulgação

#4 – Elite (Espanha)

A série narra a vida de um grupo de estudantes do colégio exclusivo e privado, chamado Las Encinas. Então, chegam três novos alunos bolsista e de classe social mais baixa que os demais, deixando latentes as diferenças entre ricos e pobres, dando lugar a um assassinato, na primeira temporada.

Além de explorar diversas temáticas associadas aos dramas adolescentes, traz temas como diversidade sexual, diferenças culturais, drogas, doenças, assédio e o uso de redes sociais. 

Disponível em três temporadas.

Quer receber essa e outras notícias no seu e-mail? Assine a newsletter

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here