Ligiana Costa convida bailarinas para dançarem as músicas de seu álbum Eva | Blog e-Urbanidade

0
Grécia Catarina dançando Nice, de Ligiana Costa - Foto: Divulgação assessoria
Grécia Catarina dançando Nice, de Ligiana Costa – Foto: Divulgação assessoria

Apesar das medidas de isolamento social, Ligiana Costa encontrou uma forma de dar uma cara mais visual ao seu novo projeto, o álbum Eva, lançado em fevereiro de 2020. A cantora lírica convidou oito bailarinas, tanto do Brasil, quanto da França, para executarem as canções do projeto direto de suas casas.

O resultado do projeto pode ser visto semanalmente nos canais de YouTube e Instagram de Ligiana. O primeiro vídeo, inclusive, foi publicado no dia 14 de dezembro e conta com Grécia Catarina, dançarina do Balé da Cidade de São Paulo, performando a música Nice. Você pode conferir o vídeo completo no final desta matéria.

Segundo Ligiana Costa, a ideia do projeto surgiu de forma orgânica e partiu dos próprios bailarinos, que mandaram vídeos seus dançando algumas das canções do álbum Eva. “Percebi que neste trabalho havia uma potência de dança“, conta Ligiana. “Comecei a convidar as dançarinas que eu conhecia e elas também me indicaram amigas delas e assim foi. Acho que Eva tem em si um grande desejo de expansão de consciência, corpos, existência. Neste momento de confinamento foi a forma que encontrei de fazer com que essas mulheres, reais ou imaginadas, continuassem a se movimentar e a movimentar o ar que respiramos“.

Ela revelou, também, que deixou as bailarinas completamente livres para criarem suas danças: “Dei total carta branca para cada uma das dançarinas, não dirigi ninguém e não pedi nada a não ser que elas ouvissem e dançassem as músicas. Então, vocês verão vídeos muito diferentes entre si, cada um carrega universo a parte“.

A cantora também adiantou as outras bailarinas que fazem parte do projeto. Nas próximas semanas, veremos Paula Sousa, Caroline Zitto, Carolina Rodrigues, Nina Santes, Rosa Antuña, Marion Hesser e Maura Baiocchi executando as músicas do álbum Eva. Ligiana também adiantou que tem vontade de fazer uma série de vídeos com homens dançarinos.

Formada em canto lírico pela Universidade de Brasília, Eva é o primeiro álbum inteiramente vocal de Ligiana Costa, mas está longe de ser a sua estreia na música. Antes do projeto lançado no começo de 2020, ela já havia lançado alguns álbuns, tanto solo, quanto em seu duo de música eletrônica barroca, o NU (Naked Universe). Ela também apresenta e dirige o podcast do Theatro Municipal de São Paulo, que fala sobre cultura e está disponível quinzenalmente.

Álbum Eva, de Ligiana Costa - Foto: Divulgação assessoria
Álbum Eva, de Ligiana Costa – Foto: Divulgação assessoria

Em Eva (que significa Errante Voz Ativa), Ligiana decidiu apostar no instrumento que a acompanha desde o início de sua trajetória na música, a sua própria voz. Esse é seu primeiro álbum vocal e foi produzido por Dan Maia.

Eva também homenageia as diferentes vozes das mulheres – cada música leva o nome de uma mulher diferente. Segundo Ligiana, assim como as performances dos dançarinos, as canções surgiram de forma muito orgânica e demonstram o poder feminino.

Aos poucos as canções começaram a surgir, e era como se as mulheres se apresentassem para mim“, disse ela. “Uma legião de mulheres! Não foi nada calculado, mas foi muito sentido. Cantar a potência das mulheres em suas diversidades, possibilidades, tempos e países diferentes têm muito a ver com a minha luta, minha forma de ver o mundo e pensar num novo mundo possível, no qual as mulheres tenham de fato seu lugar e suas potências celebradas. Neste mundo com o qual sonho e luto, as mulheres e a Terra não sofrem mais opressão e todos e todas vivem em consciência plena“.

O álbum Eva está disponível em plataformas de streaming musical, como o Spotify.

Serviço:
Dançando as canções do álbum Eva, de Ligiana Costa
Toda segunda-feira, às 19h, no canal de YouTube e página do Instagram da cantora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui