5 livros para quem é fã de novelas | Blog e-Urbanidade

0
Roque Santeiro - Foto: Divulgação TV Globo
Roque Santeiro - Foto: Divulgação TV Globo
Roque Santeiro - Foto: Divulgação TV Globo
Roque Santeiro – Foto: Divulgação TV Globo

Quando o assunto são as novelas, a maioria das pessoas têm sentimentos bem definidos: ou as ama, ou as odeia. No entanto, sendo ou não o seu gênero televisivo favorito, não dá para negar que elas são o principal produto cultural de exportação do Brasil, e ainda exercem forte influência em grande parte da população.

E apesar das obras não serem as preferidas de muita gente, seus bastidores são complexos e instigantes e já renderam diversos livros de sucesso.

A partir do episódio #26 – Telenovelas do Rolê Urbano, o Blog e-Urbanidade separou cinco livros para quem é fã de novelas, e gostaria de saber ainda mais sobre esse universo.

#1 – Herói mutilado: Roque Santeiro e os bastidores da censura à TV na ditadura

Fãs da teledramaturgia brasileira possuem um carinho especial por Roque Santeiro, uma das obras mais icônicas já produzidas. Em Herói Mutilado, Laura Mattos analisa os bastidores da novela de Dias Gomes e sua relação com a Ditadura Militar

Para quem não sabe, Roque Santeiro foi impedida de ser exibida em 1975 por conta de suas fortes críticas à exploração política da fé. A novela, já regravada, só foi ao ar em 1985, se tornando então um grande sucesso.

 

#2 – Teletema: A história da música popular através da teledramaturgia brasileira

Não há como negar a influência da trilha sonora nos folhetins – afinal, até hoje canções que tocam em novelas se tornam hits gigantescos no Brasil, mesmo que nem tenham sido lançadas como single pelo seu intérprete.

Em TeletemaGuilherme Bryan e Vincent Villari analisam como a trilha sonora foram usadas para a construção de novelas de sucesso e mostram como a música foi fator primordial para o sucesso do formato no Brasil.

#3 – Os Últimos Dias em Preto e Branco: Um romance nos bastidores da TV em 1970

Para quem prefere ficção, Os Últimos Dias em Preto e Branco é uma ótima pedida. A obra gira em torno da TV Carioca, uma pequena emissora fictícia escolhida pelos militares para ser usada como meio de atingir a população jovem e revolucionária.

Escrito por Marcus Veras, a obra mistura ficção e realidade, além de possuir um clima nostálgico que, ainda assim, dialoga muito com os dias de hoje.

#4 – O Brasil Antenado: A Sociedade da Novela

Escrito por Esther Hamburger, A Sociedade da Novela mostra que nada é óbvio ou feito ao acaso no mundo das telenovelas. O livro analisa de Roque Santeiro até a contemporânea O Clone, e disseca os efeitos da teledramaturgia nas relações brasileiras. É um livro essencial para qualquer um que quer aprender mais sobre o universo dos folhetins.

#5 – Almanaque da Telenovela Brasileira

Mesmo já termos mencionado o Almanaque da Telenovela Brasileira no Rolê Urbano, vale sempre repetir. Escrito pelo amante da teledramaturgia Nilson Xavier, o livro é uma carta de amor aos folhetins, e traz várias curiosidades e informações interessantes sobre dezenas de obras famosas.

Quer receber essa e outras notícias no seu e-mail? Assine a newsletter

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here